Gazeta Apodiense

Notícias Estado

Em 19 dias, Receita Federal recebe mais de 76 mil declarações do Imposto de Renda no RN

Prazo para entrega das declarações se encerra em 30 de abril.

Em 19 dias, Receita Federal recebe mais de 76 mil declarações do Imposto de Renda no RN
Editoria de Arte/G1
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A Receita Federal recebeu 76.102 declarações de contribuintes do Rio Grande do Norte até esta sexta-feira (19). O número de declarações em todo país ultrapassam 6,3 milhões. As declarações entregues no RN representam 1,20% do total nacional.

A declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda Pessoa Física (DIRPF) começou a ser entregue no dia 1 de março e vai até o dia 30 de abril.

A expectativa é que 334 mil contribuintes no Rio Grande do Norte entreguem a declaração até o fim do prazo. O atraso na entrega pode gerar multa de 1% sobre o imposto devido ao mês, com valor mínimo de R$ 165,74 e máximo de 20% do imposto devido.

Quem precisa declarar em 2021?
Quem teve rendimentos tributáveis acima do limite R$ 28.559,70
Contribuinte que recebeu rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte acima do limite R$ 40.000,00
Contribuinte que teve receita bruta anual decorrente de atividade rural em valor acima do limite R$ 142.798,50
Quem pretende compensar prejuízos da atividade rural de anos-calendário anteriores ou do próprio ano-calendário
Aquele que teve a posse ou a propriedade, em 31 de dezembro do ano-calendário, de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior ao limite R$ 300.000,00
Quem obteve ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas
O contribuinte que optou pela isenção do imposto sobre o ganho de capital auferido na venda de imóveis residenciais nos termos do art. 39 da Lei nº 11.196/2005
Também estão obrigados a entregar declaração de 2021 os contribuintes que receberam rendimento acima de R$ 22.847,76 em 2020 e também o Auxílio Emergencial para enfrentamento da Covid-19
Quem passou à condição de residente no Brasil, em qualquer mês, e nessa condição se encontrava em 31 de dezembro do ano-calendário.

FONTE/CRÉDITOS: g1.globo.com/rn
Comentários:

Veja também

Seja assinante do nosso portal! É GRÁTIS!

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!