Gazeta Apodiense

Notícias Politica

Mossoró já tem dez nomes para as eleições estaduais do próximo ano

Quem puxa a extensa fila é a ex-prefeita Rosalba Ciarlini (Progressistas).

Mossoró já tem dez nomes para as eleições estaduais do próximo ano
Créditos: As fotos e vídeos contidos nesta matéria é de inteira e total responsabilidade de Carlos Costa
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

Mossoró tem, pelo menos, dez nomes colocados no tabuleiro das eleições 2022. Dois deles, candidatos certos: deputado federal Beto Rosado (Progressistas) e a deputada estadual Isolda Dantas (PT), que tentarão reeleição. Os demais nomes trabalham, de alguma forma, para viabilizar projetos à Assembleia Legislativa, Câmara dos Deputados e até ao Senado da República.

Quem puxa a extensa fila é a ex-prefeita Rosalba Ciarlini (Progressistas). Sem mandato desde 1º de janeiro deste ano, ela precisa ser candidata para continuar a sua carreira política vitoriosa. Rosalba foi prefeita quatro vezes, governadora e primeira mulher senadora pelo RN, e nas eleições do próximo ano tentará novo cargo eletivo.

A princípio, Rosalba seria candidata à deputada estadual, mas uma pesquisa recente redirecionou o projeto eleitoral, pelo menos, de público. A ex-prefeita apareceu entre os mais citados para o Senado da República na pesquisa Seta/Band Natal, dividindo posições com os pré-candidatos declarados ministros Fábio Faria (Comunicações) e Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional), além do ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo (PDT). Foi o suficiente para colocar a ex-prefeita de Mossoró entre os principais nomes ao Senado.

Rosalba, porém, ainda não admite, de público, uma candidatura em 2022. Na última vez que conversou com a reportagem do JORNAL DE FATO, disse que o seu nome é lembrado por amigos e correligionários, mas que não tinha uma decisão sobre o assunto. No entanto, admitiu que “se for a vontade do povo” não fugirá à luta.

Outro nome de Mossoró certo na disputa eleitoral do próximo ano é o do presidente da Câmara Municipal, Lawrence Amorim (Solidariedade). Ele já assumiu de público a pré-candidatura a deputado federal, cargo que concorreu em 2018 e terminou na primeira suplência de sua coligação, obtendo 24.551 votos.

Lawrence, que foi prefeito eleito e reeleito do município de Almino Afonso, ganhou fôlego em 2020 quando se elegeu vereador e, mesmo sendo o 12º mais votado, com 1.739 votos (1,26%), se cacifou para se eleger presidente da Câmara. A sua candidatura a deputado federal tem o apoio do prefeito Allyson Bezerra e faz parte da estratégia de ocupação de espaço do Solidariedade nas eleições 2022.

Também é da cota de Allyson outro nome de Mossoró no tabuleiro eleitoral. A primeira-dama Cinthia Pinheiro é vista como pré-candidata à deputada estadual. O prefeito nega, mas a sua companheira está cada vez mais presente nas ruas, cumprindo “agenda administrativa”, mesmo não ocupando cargo de forma oficial.

A lista de possíveis candidatos à Assembleia Legislativa tem ainda o empresário Jorge do Rosário (PL), que foi candidato a vice-prefeito na chapa de Rosalba em 2020, tendo sido derrotada por Allyson. Antes, em 2016, Jorge foi vice do candidato a prefeito Tião da Prest (PSDB), vencido nas urnas por Rosalba, e em 2018 tentou se eleger deputado estadual, ficando na quarta suplência de sua coligação com 23.512 votos (1,39%). Ele não declara abertamente se será candidato em 2022, mas já disse que a possibilidade existe.

A ex-deputada estadual Larissa Rosado (PSDB), atualmente vereadora, não nega que deseja voltar para a Assembleia Legislativa. A sua provável candidatura representará uma das alas políticas da família Rosado, liderada pela ex-vereadora e ex-deputada Sandra Rosado (PSDB).

Quem já assumiu a pré-candidatura à deputada estadual foi a ex-vereadora Aline Couto (PSDB). Apesar de não ter renovado o mandato em 2020, embora tenha sido a sétima mais votada em Mossoró com 2.259 votos (o quociente eleitoral prejudicou a sua eleição), Aline entende que é possível construir um caminho à Assembleia Legislativa. “Sou pré-candidata, sim”, disse, em contato recente com o JORNAL DE FATO.

A dezena de nomes de Mossoró no tabuleiro das eleições é completada pelo vereador Zé Peixeiro (Progressistas), o terceiro mais votado em 2020 com 3.034 votos, que sonha com um mandato na Assembleia Legislativa, e pelo meloeiro Luiz Roberto Barcelos, que deseja estrear na política-eleitoral como candidato ao Senado da República. Ele tem recebido incentivo do prefeito Allyson, embora de público os dois não admitam o projeto.

Mossoró teve mais de 20 candidatos em 2018

Nas últimas eleições estaduais, em 2018, Mossoró registrou mais de 20 candidaturas para cargos de deputado estadual, deputado federal e de vice-governador. Apenas três obtiveram êxito: Allyson Bezerra e Isolda Dantas foram eleitos para Assembleia Legislativa e o deputado Beto Rosado renovou o mandato na Câmara Federal.

Só para a Assembleia Legislativa foram 21 candidatos. Além de Isolda e Allyson que se elegeram, a cidade teve outros nomes de relevo, embora não eleitos, como a ex-deputada Larissa Rosado, o ex-candidato a vice-prefeito Jorge do Rosário, ex-vereador Flávio Tácito e o ex-candidato a prefeito Gutemberg Dias.

A maioria da lista foi composta por nomes de pouca expressão eleitoral como João do Sindsaúde, Daniel Gomes, Fred da Agrícola, Cinquentinha, Neto Rapadura, Professor Hildebrando, Micael Melo, Genildo da Barrinha.

Para a Câmara dos Deputados, Beto Rosado dividiu votos com Lawrence Amorim, sendo que o segundo não conseguiu êxito. Eles tiveram a concorrência de candidatos de outras regiões, que sempre são votados no segundo maior colégio eleitoral do estado.

Por fim, Mossoró teve o publicitário Kadu Ciarlini (Progressistas), filho da ex-prefeita Rosalba Ciarlini, compondo chapa majoritária como vice do candidato a governador Carlos Eduardo. A chapa passou para o segundo turno, mas foi derrotada pela atual governadora Fátima Bezerra, inclusive, em Mossoró.

Aviso: Esse conteúdo não reflete a opinião do nosso portal e a sua fonte é defato.com
Comentários:

Veja também

Seja assinante do nosso portal! É GRÁTIS!

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!