Gazeta Apodiense

MENU
Logo
Sábado, 27 de fevereiro de 2021
Publicidade
Publicidade

Mossoró

TCE decide investigar calamidade deixada por Rosalba em Mossoró

A portaria 01/2021 foi publicada no Diário Oficial, com a decisão do Ministério Público de Contas, assinada pela procuradora Luciana Ribeiro Campos.

Publicidade
Publicidade
Imagem de capa
A-
A+
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

A portaria 01/2021 foi publicada no Diário Oficial, com a decisão do Ministério Público de Contas, assinada pela procuradora Luciana Ribeiro Campos. Com a decisão, fica instaurado um procedimento investigatório para apurar como a ex-prefeita levou o município de Mossoró ao nível de calamidade financeira e administrativa.

O Tribunal de Contas do Rio Grande do Norte reconheceu o estado de calamidade financeira e administrativa deixado pela gestão Rosalba Ciarlini, no município de Mossoró, no Rio Grande do Norte.

A portaria 01/2021 foi publicada no Diário Oficial, com a decisão do Ministério Público de Contas, assinada pela procuradora Luciana Ribeiro Campos.

Com a decisão, fica instaurado um procedimento investigatório para apurar como a ex-prefeita levou o município de Mossoró ao nível de calamidade financeira e administrativa.

Entre os termos, o atual gestor, Allyson Bezerra, através de sua equipe legal, informou que a ex-prefeita não repassou a documentação solicitada durante a transição.

No início da gestão, os novos secretários estão encontrando dívidas de dezenas de milhões e problemas graves em praticamente todos os serviços da administração municipal.

Aviso: Esse conteúdo não reflete a opinião do nosso portal e a sua fonte é www.mossorohoje.com.br

Créditos: As fotos e vídeos contidos nesta matéria é de inteira e total responsabilidade de REPRODUÇÃO

Publicidade
Publicidade

Comentários:

Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade
Publicidade