Gazeta Apodiense

Notícias Mossoró

TJP volta em Mossoró com acusado do crime do tesourão no banco dos réus

Não será permitida entrada de pessoas que não sejam parentes próximos do réu ou da vítima, por conta das restrições decorrentes da Covid-19.

TJP volta em Mossoró com acusado do crime do tesourão no banco dos réus
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

O juiz Vagnos Kelly Figueiredo de Medeiros, da 1ª Vara Criminal, retoma às 9 horas desta quarta-feira, dia 14, a realização de Tribunal do Júri Popular de acusados de crimes contra a vida na região, com restrições de acesso devido a pandemia causada pelo novo coronavirus.

“Não será permitida entrada (no salão do Tribunal do Júri Poular) de pessoas que não sejam parentes próximos do réu ou da vítima, por conta das restrições decorrentes da Covid-19, explica o juiz presidente do Tribunal do Júri Popular.

Nesta quarta-feira, 14, senta no banco dos réus Ronnie Von Antônio da Silva, por ter matado Paulo Marcelo Dias Fernandes, de 41 anos, usando um tesourão de jardinagem no dia 10 de outubro de 2018, no bairro Sumaré, em Mossoró-RN. O réu está preso.

Já na quinta-feira, dia 15, está previsto o TJP se reunir para julgar Letícia Vital Ramos, de 21 anos, acusada de participação direta no rapto, assassinato e ocultação de cadáver da menina Geane Melo Nogueira, de 12 anos, no bairro Dom Jaime Câmara, em novembro de 2018.

Além de Geane, várias outras pessoas participaram deste assassinato cruel, que foi colocado em prática por vingança. É que os irmãos de Geane haviam ido matar um inimigo chamado Francisco Irailson Bezerra da Silva, e terminou mandando o filho dele, o bebê Antony Caleb, de 1 anos e 6 meses, tendo acertado ainda um tiro na mãe do Caleb, Débora Maria Bezerra de Sousa. Esta tragédia aconteceu um dia antes do rapto e morte de Geane Nogueira.

Sexta-feira, dia 15 de julho, senta no banco dos réus Ozimar Cardoso de Lemos Filho, Welton Sobrinho, Lucas Mateus Comes da Silva e Francisco Iranilson Bezerra, acusados de matarem Dayo Magdyel Barbosa Ferreira, no dia 28 de outubro de 2019, no bairro Dom Jaime Câmara.

Para ver a lista completa de réus que serão julgados nesta convocação do TJP basta acessar AQUI.

FONTE/CRÉDITOS: mossorohoje.com.br
Comentários:

Veja também

Seja assinante do nosso portal! É GRÁTIS!

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!